sexta-feira, 23 de setembro de 2016

Ensino médio: português e matemática serão únicas obrigatórias; veja o que muda






Português e matemática serão os dois únicos componentes curriculares obrigatórios nos três anos do ensino médio, de acordo com o novo modelo para a etapa anunciado hoje (22) pelo governo. A definição está em medida provisória (MP) assinada pelo presidente Michel Temer. Atualmente, a etapa tem 13 disciplinas obrigatórias para os três anos.

A MP prevê a flexibilização do ensino médio com o objetivo de torná-lo mais atraente para o jovem, segundo o ministro da Educação, Mendonça Filho. Os componentes curriculares que deverão ser ensinados no período obrigatoriamente serão definidos na Base Nacional Comum Curricular, que começará a ser discutida no próximo mês e deverá ser definida até meados do ano que vem, segundo o Ministério da Educação.

De acordo com a medida provisória, cerca de 1,2 mil horas, metade do tempo total do ensino médio, serão destinadas ao conteúdo obrigatório definido pela Base Nacional. No restante da formação, os alunos poderão escolher seguir cinco trajetórias: linguagens, matemática, ciências da natureza, ciências humanas - modelo usado também na divisão das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) - e formação técnica e profissional.

“O novo ensino médio tem como pressuposto principal o protagonismo do jovem. Hoje é bastante engessado. Esse modelo caminha na direção da flexibilidade”, disse Mendonça Filho.

Arte e Educação Física

O texto, que modifica a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (Lei 9.394/1996), determina o fim da obrigatoriedade do ensino de arte e de educação física no ensino médio. As disciplinas serão obrigatórias apenas no ensino infantil e fundamental.

As mudanças passarão a valer 180 dias após a publicação da Base Nacional, ou seja, não modificam o atual currículo. De acordo com o secretário de Educação Básica do Ministério da Educação, Rossieli Silva, a intenção é enxugar na lei as obrigatoriedades do ensino médio. 

“Agora a Base Nacional tem que dizer o que é e o que não é obrigatório nesse um ano e meio. Se eu vou definir ênfases, como eu posso ter todos os conteúdos do mundo? Se eu digo que os 13 conteúdos são obrigatórios?”, questionou.

Segundo Silva, artes e educação física, assim como conteúdos como filosofia e sociologia certamente estarão garantidos na Base Nacional Curricular Comum e poderão voltar a ser obrigatórios.

Idiomas

O inglês passa a ser a língua estrangeira obrigatória que deverá ser ensinada em todas as escolas de ensino médio. Outros idiomas podem ser ensinadas em caráter optativo.

A MP abre a possibilidade que os estados tenham mais autonomia nas decisões referentes a essa etapa da educação básica. Um sistema de ensino poderá, por exemplo, definir um sistema de crédito, no qual um aluno cursa determinados períodos e, caso deixe a escola, possa retomar o curso de onde parou e não tenha, necessariamente, que cursar um ano inteiro.

Também está previsto na MP que os créditos adquiridos pelos alunos nesse caso poderão ser aproveitados no ensino superior, após normatização do Conselho Nacional de Educação (CNE) e homologação pelo MEC. Ao entrar na universidade ou no ensino tecnológico, a trajetória escolar do aluno será considerada e ele não precisará cursar matérias que envolvem conhecimentos e competências que já possui.

Carga horária

A reforma também determina que a carga horária mínima anual da etapa deverá ser progressivamente ampliada para 1,4 mil horas, o que tornará o ensino médio integral, com 7 horas por dia.

A expectativa do MEC é que as primeiras turmas que seguirão a formação de acordo com o Novo Ensino Médio começem em 2018, após a aprovação da Base e da MP pelo Congresso Nacional. Não há prazo para que as redes de ensino se adequem às mudanças, mas o Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed) trabalha com o cronograma do Plano Nacional de Educação (PNE), que deve ser implementado até 2024.

Ensino técnico

Entre as trajetórias que os estudantes poderão escolher está a formação técnica. Os alunos serão certificados e seus itinerários formativos permitirão a continuidade dos estudos. Essa oportunidade de formação vai ocorrer dentro do programa regular, sem a necessidade de o aluno estar cursando o período integral. No ensino técnico, os alunos poderão ser certificados a cada etapa que cumprirem, recebendo uma certificação das competências adquiridas até ali.

As aulas técnicas poderão ser ministradas por profissionais com notório saber - ou seja, sem formação acadêmica específica na área que leciona -, reconhecido pelos respectivos sistemas de ensino para ministrar conteúdos afins à sua formação. “Isso não vale para os demais conteúdos, se eu tenho o ensino de filosofia, eu vou continuar tendo que ter um professor formado em filosofia, isso não muda. Vale apenas para o ensino técnico”, explicou o secretário de Educação Básica.

Resultados

A reforma do ensino médio passou a ser priorizada pelo governo depois que o Brasil não conseguiu,  por dois anos consecutivos, cumprir as metas estabelecidas para essa etapa da formação. Dados do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), que mede a qualidade do ensino no país, mostram que o ensino médio é o que está em pior situação quando comparado às séries iniciais e finais da educação fundamental: a meta para 2015 era nota 4,3, mas o índice ficou em 3,7.

Atualmente, o ensino médio tem 8 milhões de alunos, número que inclui estudantes das escolas públicas e privadas. Segundo o Ministério da Educação, enquanto a taxa de abandono do ensino fundamental foi de 1,9%, a do médio chegou a 6,8%. Já a reprovação no nível fundamental é de 8,2%, frente a 11,5% no ensino médio.


Resumo Geral
Com Agencia Brasil
Edição: Luana Lourenço
 

quarta-feira, 21 de setembro de 2016

Homem morre vítima de um coice de jumenta durante relação sexual no interior da Paraíba





Deca Batalhão como era conhecido o desempregado, Cícero Balbino da Nóbrega, contava até o dia fatídico e lamentável incidente, que levou o coice da jumenta “Mimosa” com 20 anos de idade. Segundo o site Alto Santo Notícia, Deca residia na cidade paraibana de patos e morreu após ser vítima digamos de um coice baixo da sua amada jumenta quando tentava manter relação sexual com a mesma.

De acordo com a polícia, o coice da jumenta atingiu prontamente as partes genitais de Deca Batalhão que não resistiu e veio a óbito. O fato ocorreu por trás da Igreja Santo Expedito, localizada no bairro Dona Melindra em Patos. O corpo de Cícero foi encontrado por populares sem camisa com a calça abaixada até a altura dos joelhos e a jumenta conhecida por Mimosa amarrada ao lado.

A polícia acredita que o animal foi amarrado durante a madrugada, mas no momento do ato sexual desferiu o coice fatal no desempregado. Seu corpo foi encaminhado para a Unidade de Medicina Legal de Patos.

A polícia foi acionada e ouviu algumas testemunhas. Elas disseram que Cícero era acostumado a fazer sexo com o animal, cujo nome é ´Mimosa´.A polícia acredita que o animal foi amarrado durante a madrugada, mas no momento do sexo desferiu o coice fatal no desempregado. Seu corpo foi encaminhado para a Unidade de Medicina Legal de Patos. Será que o nordeste tá com tanta falta de mulher assim, pro cara ter que apelar e ir fazer sexo com uma jumenta? Fala sério.

De qualquer forma sendo atual ou não, fazer sexo com animais, além de ser perigoso, é crime.


Resumo Geral
Com PB Agora

sexta-feira, 16 de setembro de 2016

Morre ator Domingos Montagner, de ‘Velho Chico’

Protagonista de novela da TV Globo estava na divisa de Sergipe para gravar novas cenas




Morreu na tarde desta quinta-feira o ator Domingos Montagner, de 54 anos, que interpretava Santo, um dos protagonistas da novela Velho Chico (Globo). A informação foi confirmada pelo Corpo de Bombeiros da cidade de Canindé do São Francisco, em Sergipe, onde o ator participaria das gravações da obra até o dia 18 de setembro. Montagner nadava nas águas do rio São Francisco quando foi arrastado pela correnteza. “Ele estava tomando banho de Rio com a atriz Camila Pitanga quando a correnteza o levou”, disse o coronel da Polícia Militar Fábio Fonseca Rolemberg – que confirmou a informação ao jornal Extra. A atriz conseguiu nadar até uma pedra e ainda tentou puxar o colega, mas não conseguiu. Domingos deixa a mulher, Luciana, e três filhos.

Equipes de socorro da região, que está na fronteira de Sergipe e de Alagoas, saíram ao resgate do ator por volta das 14h30. Integrantes do Corpo de Bombeiros e do Grupamento Tático Aéreo (GTA) advertiram de imediato que a área onde ele havia desaparecido era de difícil acesso. O soldado da PM Carlos Santos, que participou das buscas, afirmou ao portal UOL: "O local do desaparecimento foi o pior lugar para se tomar banho. Ali há um desencontro das águas e formam-se redemoinhos. Realmente é onde o rio é mais complicado, há vários retornos da água". O corpo do ator foi encontrado  preso nas pedras a 18 metros de profundidade.

 

Sucesso no circo e no teatro


O episódio mobilizou milhares no Brasil durante a tarde, com o desaparecimento do ator liderando a lista de temas mais comentados das redes sociais. A tragédia traz uma cruel semelhança com a trama de Velho Chico, onde o personagem de Domingos Montagner passou alguns capítulos desaparecido até retornar para os capítulos finais da novela, que termina em duas semanas.

Apesar do sucesso tardio na TV, Montagner teve carreira longa como ator de teatro, palhaço e artista circense, segundo informações no site do ator. Ele começou no curso de interpretação de Myriam Muniz e no Circo Escola Picadeiro. Em 1997, formou com Fernando Sampaio, em São Paulo, o Grupo La Mínima, que tem 12 espetáculos no repertório. Um deles, A Noite dos Palhaços Mudos, lhe rendeu o Prêmio Shell de Melhor Ator em 2008. Na peça, escrita por Laerte, três palhaços são perseguidos por uma seita que tenta exterminá-los. Paralalemente à atuação no teatro, ele criou em 2003 o Circo Zanni, do qual foi diretor artístico.

Montagner estreou na TV no seriado Mothern, do canal por assinatura GNT, em 2006. As primeiras participações na Rede Globo aconteceram quatro anos depois, nos seriados Força Tarefa, A Cura e Divã. Seu début em novelas foi em Cordel Encantado, de 2011, pela qual recebeu os prêmios Contigo e Melhores do Ano na categoria Ator Revelação. Outro papel de destaque na carreira de Domingos foi o do presidente Paulo Ventura, protagonista da minissérie Brado Retumbante, de 2012. No mesmo ano, ele ainda atuou na novela Salve Jorge, de Glória Perez, e participou de Gonzaga - de Pai Pra Filho, seu primeiro longa-metragem.

Resumo Geral
Com Elpais

quinta-feira, 8 de setembro de 2016

Dois homens são mortos a tiros e outro fica ferido próximo ao matadouro de Nova Cruz-Rn.


 

























Dois jovens, um de 18 e outro de 19 anos, foram mortos a tiros na noite desta quarta-feira (7) em um bar na cidade de Nova Cruz, a aproximadamente 100 quilômetros de Natal. Um terceiro rapaz, que participava da bebedeira, também foi baleado e socorrido para a capital. Ainda não há informações sobre o estado de saúde dele. Ninguém foi preso.

Segundo informações do Instituto Técnico de Perícia (Itep), os mortos foram identificados como Carlos Henrique Gomes do Nascimento e Ronielisson Salustiano Pinheiro. De acordo com a Polícia Militar, o bar onde o trio foi alvo dos tiros fica na rua Egídio Inácio Pereira, em frente ao Curral do Gado, como é mais conhecido o antigo parque de vaquejada da cidade.
A polícia também informou que já tem informações sobre os autores dos disparos e que faz buscas na tentativa de prender os assassinos.

Resumo Geral
Com Portal BO

quinta-feira, 1 de setembro de 2016

Mulher é presa suspeita de facilitar estupro dos próprios filhos em Pedro Velho no Rn.


 

Policiais civis da Delegacia de Pedro Velho prenderam, na tarde desta quarta-feira (31) na cidade, uma mulher de 28 anos, suspeita por tráfico e crime sexuais contra os seus próprios filhos.

Após investigações, a polícia comprovou a participação da mulher nos crimes, sendo ela facilitadora da realização de abusos sexuais por um homem a seus filhos.

Ele foi preso em flagrante no dia 13 de julho deste ano, quando foram apreendidas diversas pedras de crack em sua residência, sendo o homem acusado pelos crimes de tráfico de drogas e estupro de vulnerável
.
O casal foi preso e encaminhado ao sistema prisional, onde ficará a disposição da justiça.


Resumo Geral
*Fonte: Assessoria / Degepol

Dilma diz que fará "a mais firme, incansável e enérgica oposição" ao governo


Brasília - Após o impeachment, a ex-presidenta Dilma Rousseff faz pronunciamento no Palácio da Alvorada. Ela disse ter sofrido o segundo golpe de Estado em sua vida (José Cruz/Agência Brasil)

Em discurso inflamado no Palácio da Alvorada, duas horas após o Senado aprovar seu impeachment, a ex-presidenta Dilma Rousseff afirmou ter sido vítima de um golpe "misógino", "homofóbico" e "racista". Ela afirmou que não gostaria de estar na pele dos que "se julgam vencedores".

Sem demonstrar abalo emocional, Dilma disse que continuará a lutar "incansavelmente por um Brasil melhor". Ela convocou seus eleitores e as "forcas progressistas" a resistirem contra o que disse ser uma agenda de retrocessos sociais do novo governo do presidente Michel Temer, que seria contra as principais bandeiras de movimentos sociais.

Dilma falou sob os olhares sérios do ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva e do presidente do PT, Rui Falcão, bem como de senadores que votaram contra o impeachment e foram prestar solidariedade à ex-presidente. "Isso não vai nos deixar de cabeça baixa, vamos ficar altivos e determinados para que um novo golpe não seja dado contra a Constituição", afirmou a senadora Gleisi Hoffman (PT-PR), após o discurso.

"Haverá contra eles a mais determinada oposição que um governo golpista pode sofrer", prometeu Dilma.

Logo após o término do discurso, Dilma foi abraçada pelo senador Jorge Viana (PT-RS) e pelo ex-ministro do Esporte Aldo Rebelo. Ela saiu sem reponder a perguntas. Bastante sério, Lula foi tambem um dos primeiros a se retirar para o interior do Alvorada, cujo salão da entrada principal ficou lotado de jornalistas brasileiros e estrangeiros. Em seu discurso, Dilma também criticou a imprensa.

"O projeto nacional progressista, inclusivo e democrático que represento está sendo interrompido por uma poderosa força conservadora e reacionária. com o apoio de uma imprensa facciosa venal", afirmou.

Representantes da mídia alternativa e de movimentos sociais também tiveram a entrada autorizada e permaneceram no local proferindo gritos de ordem contra o agora presidente Michel Temer, até serem retirados pelos seguranças.

Mulheres

O discurso de Dilma teve também forte apelo às mulheres brasileiras, a quem ela rogou a não recuarem diante da "misoginia" de quem perpetrou o que chamou de golpe.

"Às mulheres brasileiras que me coloriram de flores e de carinho peço que acreditem sempre que vocês podem", disse, dando como exemplo de superação a sua chegada à Presidência da República. "Abrimos um caminho de mão única rumo à igualdade", disse Dilma.

Ainda no salão do Alvorada, o advogado de Dilma no processo de impeachment, José Eduardo Cardozo, demonstrou otimismo em ainda conseguir reverter a decisão do Congresso no Supremo Tribunal Federal (STF). Perguntada o que o fazia ainda ter esperança, diante do fracasso de recursos anteriores, ele respondeu que era "o sentimento de justiça e a ideia de que não vamos jogar a toalha antes da hora".

Cerca de 200 militantes favoráveis a Dilma permanecem em frente ao Palacio do Alvorada. Eles gritam palavras de ordem contra Michel Temer. Mais cedo, houve um principio de tulmuto quando alguns manifestantes passaram a hostilizar jornalistas, chegando a jogar terra contra um repórter, logo após a cassação de Dilma ser aprovada no Senado.


Resumo Geral
Fonte: Agencia Brasil

sexta-feira, 26 de agosto de 2016

Pesquisa: quase 30% de alunos do 9º ano do ensino fundamental já fizeram sexo.


IBGE pesquisa















Dos cerca de 2,6 milhões de estudantes que cursavam o 9º ano do ensino fundamental em 2015, 27,5% já haviam tido relação sexual (cerca de 723,5 mil). Em média, um aluno do 9º ano tem 14 anos de idade. Deste total, 39% (280,7 mil) não usaram preservativo na primeira vez e 33,8% (219,2 mil) não utilizaram na última relação sexual.

As informações fazem parte da Pesquisa Nacional de Saúde do Escolar - Pense 2015 - e foram divulgadas hoje (26) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Das meninas do 9º ano que haviam tido relação sexual, 9% disseram já ter engravidado. Essa realidade era mais comum entre estudantes de escolas públicas (9,4%) do que entre as da rede privada (3,5%). Pouco mais de 1% das meninas do 9º ano do ensino fundamental declararam já ter engravidado alguma vez (23 mil meninas), sendo o maior percentual registrado na região Norte, (2,1%) e o menor na região Sudeste (0,7%).

Cerca de 105,2 mil (4%) estudantes do 9º ano relataram já ter sido forçados a ter alguma relação sexual. O percentual para meninos foi de 3,7% e para as meninas de 4,3%. Destes, um a cada três estudantes disse que o ato foi cometido por algum membro da família (pai, mãe, padrasto, madrasta ou outros familiares). A região Norte (5,3%), Roraima (7,3%) e Mato Grosso (6,2%) apresentaram os maiores percentuais.

Quanto à promoção de ações de prevenção e assistência em saúde, promovida pelas escolas, informando quanto à saúde sexual, os resultados revelaram que 87,3% dos alunos do 9º ano do ensino fundamental receberam informações, na escola, sobre doenças sexualmente transmissíveis (DSTs) e Aids.

“Não basta informar e dizer use camisinha, use pílula. Esse adolescente deve ser atendido em programas que trabalhem a percepção corporal, de identidade sexual, de valor como pessoa, dos riscos de uma gravidez. Você só vai usar camisinha se você tiver respeito a si próprio e ao outro”, comentou ela.

Há 40 anos trabalhando com adolescentes, a pediatra Evelyn Eisenstein, do Departamento de Adolescência da Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP), afirmou que o principal gargalo - no que tange à saúde dessa faixa-etária - é falta de um programa nacional de saúde.

“O Brasil precisa de campanhas de prevenção e programas nas escolas. Os adolescentes têm direito não apenas à informação, como também a programas de protagonismo juvenil”, disse e pediatra.”

Segundo Evelyn, o percentual de meninas entre 15 e 19 anos que engravidam no Brasil é muito mais alto que o relatado nas escolas, entre 20% a 23%, chegando a 30% em alguns estados. Entre 10% a 15% dessas meninas que engravidam são vítimas de violência e abuso sexual, ressaltou ela.

Cigarro, álcool e drogas ilícitas

Mais da metade dos estudantes do nono ano (55,5% ou 1,5 milhão) já havia consumido uma dose de bebida alcoólica alguma vez, percentual superior ao observado em 2012 (50,3% ou 1,6 milhão). No conjunto de estados e municípios das capitais, com maior e menor percentual de escolares do 9º ano que já experimentaram uma dose de bebida alcoólica, estão Rio Grande do Sul (68,0%) e Amapá (43,8%), Porto Alegre (74,9%) e Macapá (43,5%).

A proporção dos estudantes do 9º ano que já experimentou drogas ilícitas também subiu em relação a 2012, ao passar de 7,3% (230,2 mil) para 9% (236,8 mil ). Ainda segundo a pesquisa, em relação ao consumo atual de álcool e drogas ilícitas, respectivamente, 23,8% (626,1 mil) e 4,2% (110,5 mil) dos estudantes do 9º ano tinham feito uso dessas substâncias nos últimos 30 dias antes da pesquisa.

No que se refere à experimentação do cigarro, ela tem um crescimento relativo de aproximadamente 53,0% entre as duas faixas de idade analisadas. No grupo etário de 13 a 15 anos, a experimentação é de 19,0%, chegando a pouco mais de 29,0% entre os escolares na faixa etária de 16 a 17 anos.

No grupo de idades de 16 a 17 anos, 10% dos escolares experimentaram cigarros antes dos 14 anos de idade, aproximadamente 8% consumiram cigarros pelo menos uma vez nos últimos 30 dias anteriores à pesquisa, 53% estiveram em presença de pessoas que faziam uso de cigarros e em torno de 24% possuíam pais fumantes.

Quanto ao consumo de outros produtos do tabaco, pouco mais de 8% dos escolares de 16 a 17 anos de idade declararam fazer uso.

Na faixa etária de 16 a 17 anos, 73% dos escolares já experimentaram uma dose de bebida alcoólica. Pouco mais de 21% tomaram a primeira dose de bebida alcoólica com menos de 14 anos de idade e cerca de 60% possuíam amigos que consomem bebidas alcoólicas.

O indicador de consumo atual de bebida alcoólica, considerando as duas faixas de idade analisadas, cresceu 56,5%, passando de pouco mais de 24,0% entre os escolares de 13 a 15 anos de idade para quase 38,0% no grupo etário de 16 a 17 anos.


Bebidas

Em torno de 37% dos escolares de 16 a 17 anos de idade já sofreram com episódios de embriaguez e aproximadamente 12% deles tiveram problemas com família ou amigos porque haviam bebido.

Evelyn ressaltou que o uso de substâncias psicoativas na fase de crescimento e desenvolvimento do cérebro prejudica o desenvolvimento do adolescente.

“A pior droga do Brasil é o álcool. Esse uso é um fenômeno cultural e de marketing. Para você ser homem tem que ficar bêbado, como se fosse um ritual de passagem. Fora os patrocínios de bebidas alcoólicas em festas para jovens”, comentou ela.

“O Brasil precisa realmente de programas de educação em saúde com metodologias apropriadas para o adolescente. Além de vigilância, pois qualquer botequim ou posto de gasolina vende cerveja para adolescentes”.


Resumo Geral
Com Agencia Brasil

terça-feira, 23 de agosto de 2016

Preso escala muro com 'teresa' e foge pelado de cadeia pública de Nova Cruz no RN, diz PM

Ricardo Tomaz de Oliveira, o ‘Rico’, fugiu da Cadeia Pública de Nova Cruz (Foto: PM/Divulgação) 
Com a ajuda de uma ‘teresa’, espécie de corda feita com lençóis emendados, um preso escalou o muro e fugiu na madrugada desta segunda-feira (22) da Cadeia Pública de Nova Cruz, na região Agreste do Rio Grande do Norte. A direção da unidade identificou o detento como Ricardo Tomaz de Oliveira, o ‘Rico’, de 23 anos. Segundo a PM, testemunhas disseram que o preso fugiu pelado.

Ainda segundo a Polícia Militar, o fugitivo estava preso por tentar matar um primo dele. Em contato com o G1, o sargento Oliveira, que trabalha na região, informações sobre o detento podem ser repassadas à PM pelos telefones (84) 3247-2245 ou (84) 98123-8200.

Resumo Gera
Com informações do Portal G1RN

Mãe que matou o filho com 50 facadas na Paraíba diz que recebeu “ordem de satanás” e declarou: “Meu pai”


“Foi ordem de satanás, meu pai e meu rei”, teria dito a mulher durante a prisão após a morte da criança de apenas cinco anos de idade. Confira mais aqui!




Segundo a polícia, ela aparentava estar descontrolada; a mulher poderá cumprir pena de 12 a 30 anos de prisão por homicídio qualificado.

“Sou a princesinha de Satanás”, dizia Sônia Paula Soares Marinho, de 39 anos, quando aguardava para prestar depoimento na delegacia. Ela é suspeita de matar o filho Kaio Márcio Soares Nóbrega Marinho, de cinco anos, com mais de 50 facadas, em Campina Grande, nessa sexta-feira (20).

Segundo a polícia, a mulher aparentava estar descontrolada e ainda gritou: “Vocês vão pagar um alto preço por isso, meu pai é o rei, o grande El Shaddai. Eu te obedeço, meu pai satanás”. Ela foi presa em flagrante e será autuada por homicídio qualificado, podendo cumprir pena que varia de 12 a 30 anos de detenção.

De acordo com a polícia, ela morava só com o filho, em um quarto alugado nos fundos de uma casa, no bairro São José, na área central de Campina. A dona do imóvel estava abalada e não quis falar com a imprensa.

Resumo Geral
Com Portal Correio