sábado, 28 de julho de 2012

Professores e servidores do IFRN continuam em greve por tempo indeterminado


Em pouco mais de um mês da deflagração da greve no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN), a tendência é que a paralisação prossiga nos próximos dias, de acordo com o comando de greve em Natal.

Segundo o professor Lailson de Almeida, 237 campi de institutos federais em 26 estados continuam em greve. De acordo com o professor, a proposta apresentada pelo Governo Federal não agradou a categoria, são prometidos 45% de reajuste até 2015, mas apenas para professores titulares, sem contemplar substitutos e técnicos administrativos.

Segundo o sindicato dos servidores federais (Sinasefe), não há uma negociação permanente com o Governo o que dificulta uma solução para o impasse. Na próxima semana haverá uma mobilização da categoria em Natal. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário