segunda-feira, 30 de julho de 2012

Renan Barão domina Urijah Faber e conquista cinturão do UFC


Barão mantém sequência de 32 lutas em derrota Pela primeira vez na história, um potiguar é campeão do UFC, maior torneio de artes marciais mistas (MMA, na sigla em inglês) do mundo. Renan Barão, nascido em Natal e morador durante muitos anos do bairro das Quintas, venceu o americano Urijah Faber e é o campeão interino da categoria Galo. O combate ocorreu na madrugada deste domingo (22), em Calgary, Canadá.

Como era esperado, Barão procurou manter a luta em pé, defendendo-se bem das investidas de Faber para levá-lo ao chão. Faixa preta de Jiu-Jitsu, o potiguar não precisou mostrar o talento na luta de solo, mostrando arsenal variado de chutes e socos, que foram minando o "Californian Kid" durante os cinco rounds.

Apesar de não conseguir nenhuma queda durante a luta, Barão conseguiu pontuar acertando bons golpes, enquanto Faber não conseguiu responder à altura. No final, o potiguar venceu por decisão unânime dos jurados e agora é o campeão do UFC, com um cartel de 31 vitórias nas últimas 32 lutas, com apenas uma derrota em 33 lutas na carreira.

"Graças a Deus eu estava bem preparado para tudo. Sabia que o Faber era um grande atleta. Sabia que ele tinha golpes fortes, mas eu estava bem treinado. Meus técnicos me disseram para eu chutar a perna dele, e eu fiz isso, para diferenciar a combinação. Desculpe se eu não pude agradar a todos, mas vou voltar para fazer melhor. É nós, 'é as Quintas'", gritou Barão logo após o combate, enaltecendo também os companheiros da academia Kimura Nova União.

Agora, a tendência é que Renan Barão volte a lutar para defender o título interino. Caso mantenha o cinturão, o potiguar vai medir forças com o americano Dominick Cruz, que é o atual campeão e está lesionado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário