quarta-feira, 29 de agosto de 2012

CNM recomenda cautela aos prefeitos, pois FPM continua em queda


Com o mês de agosto fechado, o Fundo de Participação de Municípios (FPM), continua em queda pelo terceiro mês consecutivo, informa o presidente da Confederação Nacional de Municípios (CNM), Paulo Ziulkoksi. O valor do terceiro decêndio de agosto será creditado na quinta-feira, 30 de agosto, nas contas das prefeituras de todo o país.
De acordo com o levantamento da CNM o repasse do FPM será de R$ 1.174.584.678,06, em valores já descontados a retenção do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). Em valores brutos, incluindo a retenção do Fundeb, o montante é de R$ 1.468.230.847,58.

Ziulkoski destaca que nos últimos meses vem alertando aos gestores municipais para terem cautela, pois os repasses do Fundo neste segundo semestre estão em queda. “O repasse deste mês fechou com valor 8,8% menor que o mesmo período do ano passado. É o terceiro mês consecutivo que o FPM apresenta valor real menor que 2011”, explica.

 Os dados ainda mostram que o FPM de 2012 no acumulado até agosto fechou com um total de R$ 44,5 bilhões. Ziulkoski explica que este valor é 1,1% menor, em termos reais, que o acumulado no mesmo período de 2011. “A previsão da Receita Federal para o mês de setembro é de queda de 1% em relação ao mês de agosto”, adianta o líder municipalista.
Historicamente o mês de setembro costuma ser menor do que o mês de agosto. E o presidente informa que a previsão da CNM “é que apenas em novembro os prefeitos devem esperar uma melhora relativa no valor dos repasses”, conclui.

No Resumo Geral do VNT

Nenhum comentário:

Postar um comentário