domingo, 31 de março de 2013

Programa da Globo corta depoimento sobre experiência negativa de Thammy Gretchen com igreja evangélica

Programa da Globo corta depoimento sobre experiência negativa de Thammy Gretchen com igreja evangélica
Durante o programa “Vem Aí”, que anunciou sua a programação de 2013, a Rede Globo teria cortado da entrevista com Thammy Gretchen um trecho no qual ela contou sobre um suposto exorcismo pelo qual passou em uma igreja evangélica por causa de sua homossexualidade.

O relato foi feito durante uma conversa rápida com Pedro Bial, que tinha como objetivo apresentar a 2ª temporada do “Na Moral”, programa de Bial que confronta posições sobre temas polêmicos.

A jornalista Cristina Padiglione conta em seu blog, no Estadão, que a atriz havia contado no palco, durante a gravação, “que foi levada pela mãe, evangélica, a um culto em que o pastor fez de tudo para exorcizar o suposto demônio que a habitava”. Segundo Padiglione, Thammy “concluiu que a sessão fora inútil e o ato, uma encenação do pastor”.

- Esse trecho foi cortado no ar. Nenhuma menção ao termo “evangélico” foi feita na edição exibida. O que prevaleceu foi a pergunta de Bial, de que teria sido submetida a uma sessão de exorcismo, em função de sua condição sexual. Da pergunta dele, a edição já saltou para a conclusão de Thammy, que cita não ter qualquer bronca da “religião” – note, ela não fala em “evangélico”. – revelou a jornalista.

A jornalista ainda relacionou o episódio ao fato de que “a Globo tem buscado uma aproximação com os evangélicos, até para frear a imagem de emissora contrária aos evangélicos, adulados abertamente pela Record, que cobiça o primeiro lugar da Globo”.

 
Resumo Geral
Por Dan Martins, para o Gospel+

Nenhum comentário:

Postar um comentário