sábado, 13 de abril de 2013

Vice- Presidente diz que redução da maioridade penal não reduz criminalidade entre jovens

Vice- Presidente  diz que redução da maioridade penal não reduz criminalidade entre jovens
O vice-presidente da República, Michel Temer, disse nesta sexta-feira (12) que redução da idade penal não diminui a criminalidade entre os jovens. Para ele, são mais eficientes políticas públicas de incentivo e amparo aos adolescentes.
"Li hoje um argumento para reduzir [a maioridade] para 16 anos, mas, e daí, se o sujeito tem 15 anos e meio, e comete um crime, vamos reduzir para 15 anos? Não sei se é por aí a solução", disse. "Talvez seja aquilo que o governo federal está tentando fazer: planos para dar incentivo e amparo aos menores".
O debate sobre a redução da maioridade penal ganhou força esta semana após o assassinato do universitário Victor Hugo, 19 anos , em São Paulo.  Um jovem de 17 anos, que completou 18 anos hoje, três dias após o crime, condessou o crime. 
Hoje, foi a vez do ministro Gilberto Carvalho (Secretaria-Geral da Presidência) dizer que  o governo de Dilma Rousseff é contra a redução de idade penal e também discorda da proposta de Alckmin.
"A gente é completamente contra. Não quero falar em uso político, não estou me referindo à declaração do governador. Estou me referindo ao tema da [redução da] maioridade penal, que temos uma posição historicamente contrária", disse o ministro Gilberto Carvalho (Secretaria-Geral da Presidência), durante evento num canteiro de obras em Taguatinga (DF). (Com Agência Brasil)
 Resumo geral
 Fonte: Uol

Nenhum comentário:

Postar um comentário