quinta-feira, 25 de julho de 2013

Antena de Operadora de Celular cai sobre comunidade no Pará; Veja fotos

Antena de Operadora de Celular cai sobre comunidade no Pará; Veja fotosMoradores de Terra Santa, na mesorregião do Baixo Amazonas no Pará, estiveram na Promotoria de Justiça (PJ) da cidade pedindo a retirada da torre de comunicação da empresa de telefonia Vivo. No último sábado (20), um forte temporal  derrubou a antena em cima de uma casa, deixando pessoas de uma família feridas.

A promotora de Justiça Ione Missae Nakamura, juntamente com o juiz da comarca Alexandre José Chaves Trindade, solicitaram a presença de peritos do Instituto Renato Chaves para avaliar os danos causados pelo incidente. De acordo com o Ministério Público do Estado do Pará (MPE), a Vivo foi acionada e já está prestando apoio às vítimas da queda da torre.

De acordo com a promotora, foi instaurado um inquérito civil para apurar o pedido dos moradores. Ione Nakamura agendou uma reunião para o dia 7 de agosto entre a comunidade e a empresa de telefonia. Os moradores das proximidades ameaçaram fazer protestos caso a antena não seja retirada do local.


O G1 entrou em contato com a assessoria de comunicação da Vivo, que informou que a empresa está prestando a assistência necessária à família do morador de Terra Santa que teve sua casa danificada após a queda da antena de telefonia móvel, e que vem prestando todas as informações e esclarecimentos solicitados pelo Ministério Público e demais autoridades competentes.

A empresa informou ainda que, desde o início da ocorrência, técnicos da empresa trabalham ininterruptamente para restabelecer o serviço na região de Terra Santa, com previsão de conclusão até a próxima segunda-feira (29). A telefonia informa que os reparos exigem atividades complexas, como o transporte de peças de grande porte por meio de avião e barco. A operadora afirma que já atua na instalação da torre em um novo ponto da cidade.

A assessoria do Centro de Perícias Renato Chaves em Belém informou que dois peritos estiveram no município de Terra Santa para a constatação de danos. O resultado da perícia deve sair em 10 dias úteis, podendo ser prorrogados por mais 10 dias.
 
Resumo Geral
Fonte: G1 PA

Nenhum comentário:

Postar um comentário