sábado, 12 de outubro de 2013

Brasil vence amistoso com a Coréia do Sul por 2 x 0 e presenteia as crianças com o resultado positivo; Veja os gols

Brasil vence amistoso com a Coréia do Sul por 2 x 0 e presenteia as crianças com o resultado positivo; Veja os golsNa manhã deste sábado (12), Dia das Crianças, a seleção brasileira resolveu dar um presente aos fãs mirins. Na Coreia do Sul, um dos países-sede da Copa do Mundo de 2002, o Brasil entrou no World Cup Stadium, em Seul, para enfrentar os donos da casa, a Coreia do Sul.

Os craques da seleção enfrentaram um jogo duro, no qual os atletas coreanos abusaram das faltas, muitas delas em cima do atacante Neymar. Apesar disso, o Brasil venceu o jogo por 2 a 0, gols de Neymar, aos 42 do primeiro tempo, e Oscar, aos 3 minutos do segundo tempo

Mesmo tendo mais posse de bola, o Brasil empacou na forte, e dura marcação da equipe sul-coreana. A seleção criou pouco, Hulk e Jô foram poucos participativos, o craque Neymar esbarrava nos marcadores, que não hesitaram em "descer o sarrafo" no craque do Barcelona.


Nem mesmo o lateral-esquerdo Marcelo se livrou da conduta andidesportiva dos jogadores da Coreia. Irritado após mais uma falta em cima de Neymar, o jogador acabou acertando um tapa na cara de Chung Lee, e o clima esquentou.


Neymar apanhou, sofreu, se irritou. O jogador chegou a apontar o dedo na cara dos jogadores adversários, mas não ficou com medo, ia para cima, até sofrer mais faltas.


Em uma delas, o jogador resolveu chutar a gol. Bom para o Brasil, ruim para os rivais. Em boa cobrança de falta, já no final da etapa inicial, Neymar abriu o placar para a seleção brasileira. Sem chances para o goleiro Jun Sungryong.


Neymar comemorou em seu estilo habitual, com os braços abertos, fazendo a alegria dos companheiros e dos brasileiros presentes no estádio.


Na etapa complementar, Oscar recebeu passe magistral do volante Paulinho, ex-Corinthians, atualmente no Tottenham, e ficou cara a cara com o goleiro, e não desperdiçou a chance.


Driblou o arqueiro e só teve o trabalho de chutar para o gol aberto. E parou por aí. Mais uma vitória incontestável da seleção brasileira. Dois para o Brasil, zero para a Coreia do Sul!



Resumo Geral
com r7
fotos: Reuters / Kim Hoing-Ji

Nenhum comentário:

Postar um comentário