segunda-feira, 28 de outubro de 2013

Empregada doméstica natural de Nova Cruz-Rn é encontrada morta em Parnamirim.


O corpo de uma empregada doméstica de 24 anos foi encontrado com sinais de estrangulamento, além de mãos e pés amarrados, em um matagal próximo ao rio Pitimbu, em Parnamirim, município da GrandeNatal.

 O caso aconteceu no final da tarde deste domingo (27) entre Cidade Satélite, em Natal, e Emaús, em Parnamirim. De acordo com o tenente Rafael Soares, do 5º Batalhão da Polícia Militar, a vítima é Ana Patrícia Cordeiro, natural de Nova Cruz, a pouco mais de 90 quilômetros de Natal.
 
  De acordo com a PM, uma testemunha revelou que viu a jovem sair da parada de ônibus de Cidade Satélite, em frente à entrada da avenida Abel Cabral, na BR-101, com um homem. O casal teria seguido até o matagal. “Não sabemos se ela foi forçada a ir. Na verdade, a história ainda está muito estranha”, comentou o oficial.
  A testemunha teria revelado ainda que voltou a ver o suspeito, mas ele já estava sozinho. Ao encontrar o corpo no matagal, às margens da BR, a pessoa acionou o Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp).
  Procurados pela polícia, os patrões de Ana Patrícia, que moram no bairro de Nova Parnamirim, afirmaram que ela havia saído com o namorado e não teria mais voltado.
  Os primeiros passos da investigação foram tomados pela Delegacia de Plantão da zona Sul da capital. O corpo foi levado para perícia no Instituto Técnico-Científico de Polícia (Itep).

 Resumo Geral com G1 Rn

Nenhum comentário:

Postar um comentário