quarta-feira, 16 de outubro de 2013

Presidentes da CBF e Fifa são chamados de ladrões pelo ex-jogador e deputado federal Romário durante entrevista; Veja

Presidentes da CBF e Fifa são chamados de ladrões pelo ex-jogador e deputado federal Romário durante entrevista; VejaA língua afiada do deputado federal Romário (PSB-RJ) voltou a apontar contra a CBF e a Fifa nesta terça-feira (15). Após uma audiência pública na Câmara, em Brasília (DF), o ex-atacante concedeu entrevista e não poupou críticas aos dirigentes das duas entidades.

Romário disse não acreditar em um legado consistente para o País após a realização da Copa do Mundo e atacou duramente o presidente da CBF, José Maria Marin, o secretário-geral da Fifa, Jerôme Valcke e o presidente da entidade que regula o futebol mundial, Joseph Blatter.

— A situação é a seguinte: o maior representante da CBF é ladrão. A CBF é uma entidade corrupta, na qual já passaram muitos cânceres e agora continuam, pior do que antes. Em relação à Fifa, a gente não pode esperar nada. Ali tem um chantagista que se chama Jerôme Valcke e um ladrão que se chama Blatter, que realmente não representam o futebol mundial e muito menos o futebol brasileiro.

O deputado federal falou ainda sobre a proposta da chamada "bancada da bola", que vem se reunindo para discutir o perdão da dívida dos clubes do País. Além de se posicionar contra a ideia, o Baixinho disse que este tipo de conversa deveria acontecer na Comissão de Esporte na Câmara e não em restaurantes ou gabinetes de deputados.

— Joguei futebol muitos anos da minha vida. Aqui a gente ouve muita história, muita conversa fiada e está na hora de a gente entender que alguma coisa tem que ser feita. Esse projeto é negativo pro futebol, ele é ruim, ele não é justo. O justo é que quem deve tem que pagar. Mas é claro que devemos encontrar uma forma de que todos paguem dentro de suas possibilidades.

Desde que assumiu o posto na Câmara dos Deputados, Romário tem sido o maior crítico da CBF e da Fifa e já trocou diversas ofensas com seus representantes.
 
Resumo Geral
Fonte: G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário