quarta-feira, 2 de outubro de 2013

Síria: equipe que inspeciona armas químicas começa a trabalhar


Damasco – A equipe internacional que chegou à Síria para inspecionar as armas químicas começou hoje (2) o trabalho de verificação da lista de locais de armazenamento fornecida pelo governo. O grupo fará alguns testes prévios à destruição das armas.
A equipe, que chegou ontem (1º) ao país pela fronteira com o Líbano, tem 19 integrantes encarregados do trabalho de destruição das armas químicas e 14 representantes da Organização das Nações Unidas (ONU). O grupo dará cumprimento à Resolução 2.118 do Conselho de Segurança da ONU, aprovada sexta-feira (27).
A Organização para a Interdição de Armas Químicas é responsável pela aplicação da resolução, que prevê a destruição do arsenal até junho de 2014.
A organização recebeu documentos do regime sírio com a lista das armas que tem. Entre elas, os peritos calculam haver mil toneladas de gás sarin, gás mostarda e outros químicos proibidos em cerca de 45 locais.
A resolução é resultado de acordo entre os Estados Unidos e a Rússia, negociado na sequência de um ataque com armas químicas, em 21 de agosto, nos arredores de Damasco, que deixou centenas de mortos.
Recentemente, outra equipe de inspetores da ONU concluiu a missão de investigar, na Síria, o ataque de 21 de agosto. Em relatório preliminar, divulgado após a primeira missão, os inspetores confirmaram a utilização de gás sarin no ataque de agosto.

Resumo Geral
Fonte: Agência Brasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário