segunda-feira, 11 de novembro de 2013

Homem flagrado vivo dentro de cova em cemitério diz que se enterrou porque estava deprimido; Confira

Homem flagrado vivo dentro de cova em cemitério diz que se enterrou porque estava deprimido; Confira
 
A GCM (Guarda Civil Municipal), de Ferraz de Vasconcelos, foi acionada por uma senhora que ouviu um homem pedindo socorro. Segundo a mulher, ele estava enterrado vivo em uma cova do Cemitério Parque do Cambiri.

No local, os guardas constataram que a vítima havia se enterrado. Durante o relato registrado no boletim de atendimento, Clóvis, de 41 anos, disse que se enterrou porque não suportava mais tantos problemas e queria dar um fim a sua vida.

Um sobrinho de Clóvis contou aos guardas que ele sofre de transtornos psiquiátricos. A Prefeitura da cidade declarou em nota que  o homem que foi encontrado no cemitério foi trazido do município de Mauá, após se envolver em uma suposta briga. Ele não é morador de Ferraz de Vasconcelos, nem trabalha para o município.

A Secretaria Estadual de Saúde afirmou que o paciente Clóvis deu entrada no Hospital Regional de Ferraz consciente, mas desorientado. Ele passou por avaliação clínica e psiquiatra, em seguida foi liberado.

Resumo Geral
com r7

Nenhum comentário:

Postar um comentário