terça-feira, 12 de novembro de 2013

Quadrilha explode agência bancária e leva mais de R$ 800 mil, estima Delegado; Veja fotos

Quadrilha explode agência bancária e leva mais de R$ 800 mil, estima Delegado; Veja fotos
 
A quadrilha de criminosos que explodiu a agência do Banco do Brasil na madrugada desta terça-feira (12) em Apodi, cidade da região Oeste do Rio Grande do Norte, levou cerca de R$ 800 mil. A estimativa é do delegado Renato Oliveira, que coordena as investigações. Segundo ele, havia aproximadamente R$ 1 milhão no banco. 

“O Banco do Brasil de Apodi é grande. É a principal agência da região. Sem falar que estamos no período de pagamento de aposentados e pensionistas. A quadrilha sabia disso. Tanto que eles nem detonaram os terminais. A dinamite foi toda usada para arrombar o cofre principal da agência”, revelou.

O Banco do Brasil do Rio Grande do Norte não dá informações sobre crimes que ocorrem contra suas unidades. 


Ainda de acordo com o delegado, a gerência do Banco do Brasil está avaliando se o sistema de vigilância eletrônica gravou alguma imagem que possa identificar os criminosos. Câmeras de vídeo instaladas em residências ou em estabelecimentos comerciais próximos à agência também podem ajudar a polícia. “Vamos ver o que conseguimos, mas com certeza não será fácil. Os assaltantes sempre agem encapuzados, camuflados, e isso dificulta muito o trabalho da polícia”, ressaltou. 


Sobre o dinheiro e cheques que foram levados por alguns moradores que entraram na agência logo após a explosão, o delegado disse que esta é uma outra situação, mas que também vai ser muito difícil identificar quem se apoderou de quantias. 

Ao G1, o capitão Inácio Brilhante, comandante da Polícia Militar na cidade, disse que não deu pra impedir a invasão. “Estávamos em perseguição aos criminosos. Quando voltamos para isolar o prédio, já tinham carregado muito dinheiro e cheques que foram depositados nos terminais. Consegui pegar um saco cheio de notas e levei para a delegacia", afirmou. O montante recuperado pela PM, de acordo com o delegado, foi de R$ 6.620.

Resumo Geral
com G1RN

Nenhum comentário:

Postar um comentário