sábado, 1 de fevereiro de 2014

Novo Facebook Messenger ameaça o reinado do Whatsapp; Nova versão do Messenger também se conecta por PC; Veja

Novo Facebook Messenger ameaça o reinado do Whatsapp; Nova versão do Messenger também se conecta por PC; Veja
Para quem ainda não checou as notificações de atualizações de apps do celular, o novo Facebook Messenger chegou.

Disponível para Android e iOS, o novo aplicativo tenta se tornar ainda mais uma plataforma de bate-papo por si só e não apenas uma extensão do Facebook para desktop. O Whatsapp que se cuide!

Ao abrir o novo aplicativo, é possível perceber que ele está muito mais ao estilo iOS 7, com um layout mais plano. Até mesmo no Android, que não passou pela mesma reformulação visual que o sistema do iPhone, a mudança é visível. Os sons emitidos pelo aplicativo também são uma novidade e, agora, eles são customizáveis.

Com todas estas mudanças estéticas, ficou mais agradável usar o Messenger, que, convenhamos, era bem feinho. As mudanças fazem com que ele praticamente se distancie da rede social, com um projeto gráfico bem diferente. E esta parece ser a intenção do Facebook desde o início.

O que realmente marca a transição para este aplicativo repaginado é que ele é realmente um ataque direto ao Whatsapp e seu domínio do mercado de mensagens instantâneas em celulares.

Agora é possível vincular um número de telefone ao aplicativo; desta forma, você pode adicionar uma pessoa no Messenger sem precisar adicioná-la antes à sua lista de amigos na rede social. A mecânica, obviamente, é familiar para quem usa os aplicativos de mensagens instantâneas mais populares, entre os quais está o já citado Whatsapp. É possível enviar mensagens para contatos da sua agenda do celular, mesmo que eles não sejam seus amigos no Facebook.


Outras funções implantadas que devem modificar um pouco a experiência de uso é a forma de organização da lista de contatos. Agora ela é dividida entre o raio azul, que indica que a pessoa está conectada ao Messenger e deverá receber uma notificação, e um F cinza, que aponta que o contato não receberá a mensagem no celular (Até funciona, mas você iria se arrepender de ter que cadastrá-la novamente em outro dispositivo).

Resumindo, o novo Messenger foi pensado para ser uma experiência melhor de troca de mensagens no celular, praticamente se desvinculando da rede social. Ele é mais bonito, eficiente e ágil, e deve começar a ameaçar concorrentes em um nicho no qual ele ainda era restrito. 

No mundo tecnológico, o que é sucesso hoje não significa que continuará assim por muito tempo. Se lembrarmos que há 3 anos o MSN era o todo poderoso comunicador instantâneo e hoje ele nem existe mais, já podemos ter uma noção de que nada é permanente tecnologicamente falando. Por isso, o WhatsApp (atual sucesso entre os usuários) deve estar bem preocupado com a nova atualização que o Facebook Messenger recebeu 

Resumo Geral
com olhardigital

Nenhum comentário:

Postar um comentário