domingo, 2 de fevereiro de 2014

Renan Barão atropela Urijah Faber e sacramenta cinturão dos galos do UFC


Demorou menos de cinco minutos a primeira luta de Renan Barão como campeão linear dos pesos galo do UFC. Com uma apresentação avassaladora, o potiguar nocauteou sem problemas o norte-americano Urijah Faber ainda no primeiro round e defendeu o cinturão da categoria, oficializando sua posição como dono do título.

O brasileiro já tinha sido nomeado campeão de fato dos galos depois de duas defesas de cinturão interino e após o antigo campeão Dominick Cruz ter se machucado novamente antes de tentar a unificação dos títulos - o que aconteceria neste sábado no UFC 169. Mas agora, não há qualquer dúvida pairando sobre o cinturão de Renan Barão.

"Faber é um cara muito duro, ele é resistente, já lutei com ele, mas eu confio na minha mão. Trabalho muito duro para isso", disse Renan Barão. "Acho que treinei muito forte todos os dias. Deixei minha família em Natal para poder treinar no Rio de Janeiro na Nova União .Meu objetivo é sempre lutar para frente, é sempre nocautear. Vi que tinha acertado ali e ele tinha cambaleado. Fui para cima para terminar a luta."

A luta - Os dois primeiros minutos de combate foram muito estudados, com Barão e Faber tomando muito cuidado para atacar, mas com o brasileiro sempre tomando a iniciativa, principalmente nos chutes.

Mas na primeira vez que atacou com firmeza, o campeão acertou um direto que levou o norte-americano para o chão e teve a primeira oportunidade de nocautear com uma sequência de socos. Faber ainda conseguiu se levantar, mas outro cruzado o derrubou. 

Grudado na perna de Renan, passou a ser golpeado na têmpora sem qualquer tipo de reação ou defesa. Assim, o árbitro Herb Dean teve de interromper o combate e declarar nocaute técnico para Barão.

Resumo Geral
Com UOL

Nenhum comentário:

Postar um comentário